Museum of Medicine - Programme

A new museum        Architectural project        Programme


Museu de Medicina da Faculdade de Medicina da Universidade de Lisboa
Museum of Medicine of the Faculty of Medicine, University of Lisbon
 
Programa: curadoria, publicações, ensino e investigação
Programme: curatorship, publications, teaching and researching


Pormenor da exposição "Laboratório de Anatomia - Ver e Pensar o Corpo", Reitoria da Universidade de Lisboa, Lisboa, 2013. Foto: Nina Szielasko
Detail of the exhibition "Laboratory of Anatomy - Seeing and Thinking the Body", Rectory of the University of Lisbon, Lisboa, 2013. Photo: Nina Szielasko



PROGRAMAÇÃO E ACTIVIDADES (SELECÇÃO) [2005-2014]
PROGRAMME AND ACTIVITIES (SELECTION) [2005-2014]
 


A programação de um museu deve basear-se nas potencialidades do seu espólio, das suas colecções, considerando as suas possibilidades evocativas e de ligação com outros objectos, memórias e situações, segundo afinidades formais, poiéticas e culturais. No caso do Museu de Medicina ela assenta no património histórico-museológico da Faculdade de Medicina, que integra as colecções dos institutos, dos laboratórios e das clínicas universitárias, a memória viva da instituição.

O projecto editorial do Museu de Medicina deverá articular-se com as exposições,  usando os suportes mais adequados ao estudo e à divulgação da sua actividade, desde o livro ao multimédia, proporcionando ao visitante informação complementar que lhe permita desenvolver as suas próprias experiências de leitura e interpretação.

Enquanto espaço de representação contemporâneo o Museu de Medicina organizar-se-á como uma interface de comunicação da Faculdade de Medicina de Lisboa, que além de mostrar a sua história (através dos objectos da sua memória colectiva), a possa enriquecer através de cruzamentos, desvios, interacções, mostrando abertura, contaminação e fluidez cultural.

O Museu de Medicina procurará não só gerir e potenciar as múltiplas sinergias que uma complexa rede interactiva, como a Faculdade de Medicina de Lisboa, possibilita, mas também desenvolver as parcerias que a todo o momento se revelem oportunas para a concretização dos seus objectivos programáticos.

Ao assumir a investigação museológica interdisciplinar com linha de acção estruturante, o Museu de Medicina prolongará e completará o ensino universitário numa perspectiva aberta, integrando-a nos currículos pré e pós-graduados da Faculdade de Medicina de Lisboa ou de outras instituições de ensino ou de investigação, nacionais e estrangeiras.



The programmation of a museum must be based on its its assets, its collections, considering their evocative possibilities and of connection with other objects, memories and situations, according to formal, poietic and cultural affinities.
In the case of Museum of Medicine its programme is based on the historical and museological heritage of the Faculty of Medicine, which itegrates the collections of its institutes, laboratories and clinics, the live memory of the institution. its should be based on historical and museological research of these objects,

The editorial project of the Museum of Medicine will be articulated with the exhibitions, using diversified supports, from the book to the multimedia, e
nabling physical and mental journeys from some spaces, languages or imaginaries to others, providing the reader, the visitor or the viewer to develop their own experiences of reading, interpreting, or others.

As a contemporary space of representation, the Museum of Medicine will be organized as a communication interface of the Faculty of Medicine of Lisbon, that besides showing its history (through the objects of their collective memory), may enriche it through intersections, sidetracks, interactions, showing openness, contamination and cultural fluidity.

The Museum of Medicine will seek not only to manage and enhance the many synergies that a complex interactive network, such as the Faculty of Medicine of Lisbon makes it possible, but also to develop partnerships anytime could be appropriate for the achievement of its program objectives.

By assuming the interdisciplinary museological research as structural line of action, the Museum of Medicine will extend and complement the university teaching in an open perspective, integrating it in the pre and post-graduates curriculums of the Faculty of Medicine of Lisbon or of other educational institutions or research, Portuguese and foreign.
 
 


 

Selecção de desenhos anatómicos e fotografias médicas da colecção do Museu de Medicina. Fotos: Nina Szielasko
Selection of anatomical drawings and medical photographs from the Museum of Medicine collection . Photos: Nina Szielasko
 
 
 
PARTICIPAÇÃO EM PROJECTOS INVESTIGAÇÃO I&D/ FCT PARTICIPATION IN RESEARCH PROJECTOS R&D/ FCT

>> Filosofia, Medicina e Sociedade (2007-2010), Centro de Filosofia da Universidade de Lisboa

Este projecto, desenvolvido em parceria com o Museu de Medicina da FMUL, tem, entre outros, o objectivo de aprofundar o vínculo entre filosofia e medicina, explorando a inteligibilidade recíproca entre uma e outra, caracterizar o ethos médico e analisar as questões fundamentais que estão em debate hoje no domínio da bioética.

>> Literatura Médica e Representações do Corpo do Século XVI ao XIX (2007-2010), Centro de Filosofia da Universidade de Lisboa

O trabalho em curso envolve a colaboração com o Museu de Medicina da FMUL, o Centro de Estudos de Filosofia da Medicina do IPO-Lisboa, a Sociedade Portuguesa de Psicossomática, o Instituto de Patologia e Imunologia Molecular da Universidade do Porto (IPATIMUP) e o Instituto de Ciências Sociais (ICS).

>> A Imagem na Arte e na Ciência (2007-2010), Centro de Filosofia das Ciências da Universidade de Lisboa

Manuel Valente Alves coordenou uma das linhas de investigação deste projecto multidisciplinar em que colaboraram as Faculdades de Medicina e Belas Artes da Universidade de Lisboa (FBAUL), que se propunha identificar, catalogar e estudar a inexplorada colecção de desenhos anatómicos do Museu de Medicina, e compará-la com a colecção de desenhos de nu da FBAUL. 

Foram estudados e inventariadas mais de um milhar de peças da colecção que serviu de base para uma exposição no Pavilhão do Conhecimento em Lisboa, em 2011, bem como de um catálogo e várias conferências.

>> Decisão política, necessidades colectivas e afirmação profissional: o Hospital de Todos os Santos em perspectiva (2011-2013), Centro de Investigação e Desenvolvimento em Ciências Humanas e Sociais da Universidade de Évora/ Departamento de História, Universidade de Évora.



PARTICIPAÇÃO NO ENSINO PRÉ-GRADUADO DA FMUL PARTICIPATION IN PRE-GRADUATE TEACHING

Curso de Mestrado Integrado em Medicina da Faculdade de Medicina de Lisboa - Disciplina de História da Medicina (2008-2014)

Regentes
Manuel Valente Alves; António Castanheira Dinis

Docentes
Ana Gomes de Almeida
António Castanheira Dinis
Armando Brito de Sá
Carlos Perdigão
Figueiredo de Lima
Francisco Antunes
Isabel Fonseca
João Lobo Antunes
Jorge Soares
José Pereira Miguel
Leonor Parreira
Manuel Valente Alves



ORGANIZAÇÃO DE REUNIÕES CIENTÍFICAS ORGANIZATION OF SCIENTIFIC MEETINGS

>> Colóquios Passagens (2005). Auditório do Museu Nacional de Arte Antiga, Lisboa. Organização: Museu de Medicina da Faculdade de Medicina da Universidade de Lisboa. Coordenação: Manuel Valente Alves.
Participantes: Manuel Bairrão Oleiro, J. Martins e Silva, Dalila Rodrigues, Manuel Valente Alves, João Miguel Fernandes Jorge, José Miranda Justo, Teresa Paiva, Maria Filomena Molder, José Bragança de Miranda, David Ferreira, Maria de Belém Roseira, José Gil e Manuel Villaverde Cabral.

>> Workshop internacional Vesalius – A Redescoberta da Anatomia (2009), Grande Auditório do Edifício Egas Moniz, Lisboa. Coordenação: Manuel Valente Alves e Joana Mesquita.
Participantes: Manuel Valente Alves, Joana Mesquita, António Barros Veloso, Adelino Cardoso, Lucy Lions, Sebastião Resende, Silvia di Marco, Teresa Levy e Jacquie Pigeaud.

>> Encontros Anatomias Cruzadas (2011), Fundação Arpad Szenes- Vieira da Sila, Lisboa. Direcção: Manuel Valente Alves.

>> Colóquio O Mundo é feito por nós? Questionar a arte e a ciência em tempos de crise (2012), Casa-Museu Abel Salazar, Porto, 18 de Maio de 2012. Direcção: Manuel Valente Alves. Evento integrante do programa de Comemorações do Dia Internacional dos Museus

>> European Association of History of Medicine and Health Conference 2013 - Risk and Disaster in Medicine and Health (2013), Escola Nacional de Saúde Pública, Lisboa. Organização: European Association of History of Medicine and Health, University of Évora, Museum of Medicine of the University of Lisbon




PARTICIPAÇÃO EM REUNIÕES CIENTÍFICAS PARTICIPATION IN SCIENTIFIC MEETINGS

>> Simpósios sobre Saúde Portugal-Brasil 200 anos
(2008), Academia Nacional de Medicina, Rio de Janeiro, Brasil. Organização: Alto Comissariado da Saúde e Fundação Oswaldo Cruz. A convite da organização destes simpósios, Manuel Valente Alves proferiu a conferência «Cultura médica e Cosmopolitismo em Portugal nos séculos XIX e XX», no dia 7 de Julho de 2008. Foi publicada uma versão revista e aumentada na Revista da Faculdade de Medicina de Lisboa (RFML 2009; Série III; 14 (1): 3-23).

>> Medicina, Laboratório e Sociedade – Trajectos e expressões da História da Medicina e da Saúde em Portugal (2009), Instituto Nacional de Saúde Dr. Ricardo Jorge, Lisboa. Organização: Instituto Nacional de Saúde Dr. Ricardo Jorge, Sociedade de Geografia de Lisboa e Centro Inter Universitário de História das Ciências e da Tecnologia. A convite da organização desta conferência internacional, Manuel Valente Alves proferiu a palestra intitulada «Ricardo Jorge e a Investigação Científica em Portugal», no dia 25 Maio de 2009.



EMPRÉSTIMO DE OBRAS PARA EXPOSIÇÕES LOAN OF PIECES FOR EXHIBITIONS

>> Fundação Calouste Gulbenkian – 50 anos ao serviço da saúde (2007), Fundação Calouste Gulbenkian , Lisboa. Comissariado: Ana Eiró e Jorge Soares

>> Medicina e Saúde no Brasil e Portugal (2008), Museu Histórico Nacional, Rio de Janeiro, Brasil. Comissariado: Helena Severo.

>> Saúde e Medicina em Portugal e no Brasil – 200 anos (2008/2009). Museu de Ciência da Universidade de Lisboa, Lisboa. Comissariado: Ana Eiró e Jorge Soares

>> Museu São João de Deus – Psiquiatria e História (2009). Casa de Saúde do Telhal. Coordenação: Álvaro Lavarinhas

>> Corpo-Imagem: representações do corpo na ciência e na arte (2011)
Exposição. Pavilhão do Conhecimento, Lisboa, 2011
Coordenação: Catarina Pombo Nabais, Cristina Azevedo Tavares, Manuel Valente Alves, Marco Pina, Olga Pombo, Pedro Bidarra Silva, Ricardo Reis dos Santos, Sílvia di Marco. 


>> Arte Médica e Imagem do Corpo - de Hipócrates ao final do século XVIII (2010)
E
xposição.
Biblioteca Exposição. Nacional de Portugal, Lisboa, 2010
Coordenação: Adelino Cardoso, António Braz de Oliveira, Manuel Silvério Marques. 
Comissariado científico: Adelino Cardoso, Bruno Barreiros, Manuel Silvério Marques, Manuel Valente Alves, Maria do Sameiro Barroso, Palmira Fontes da Costa
> Programa
 
 
 
SÍTIO DA INTERNET WEB SITE

 
www.museudemedicina.fm.ul.pt
 

Desenhado pela equipa responsável pelo projecto gráfico do Museu de Medicina, este site bilingue (português/inglês) está acessível ao público desde o dia 23 de Fevereiro de 2005.


Designed by the team responsible for the graphic design of the Museum of Medicine, this site bilingual (Portuguese/ English) was available to the public since 23 February 2005.



EXPOSIÇÕES EXHIBITIONS
 
>> Passagens. 100 peças para o Museu de Medicina (2005). Museu Nacional de Arte Antiga. Curadoria: Manuel Valente Alves, Anísio Franco, José Alberto Seabra Carvalho, Maria João Vilhena de Carvalho.
Vista da exposição "Passagens" (2005). Foto: Nina Szielasko View of the exhibition "Passages" (2005). Photo: Nina Szielasko  

"Passagens - 100 peças para o Museu de Medicina" é a primeira exposição do Museu de Medicina. Resultou de uma importante parceria entre o Museu de Medicina e o Instituto Português dos Museus, tendo sido inaugurada no Museu Nacional de Arte Antiga (MNAA), em Lisboa, no dia 24 de Fevereiro de 2005. Esteve patente ao público até 30 de Abril de 2005, tendo tido uma significativa afluência: mais de 18 000 visitantes.
 
Nesta exposição, 100 peças da Faculdade de Medicina da Universidade de Lisboa, provenientes dos seus institutos, laboratórios e clínicas universitárias, estabeleciam diálogo com importantes obras de arte das colecções do MNAA, através de uma sábia montagem que permitia o cruzamento e a interacção de objectos tecnocientíficos (modelos anatómicos, preparações humanas, mecanismos e imagens médicas, instrumentos de medida e de observação) com obras de arte (pinturas, esculturas e peças de artes decorativas).


Vista da exposição "Passagens" (2005).  Foto: Nina Szielasko View of the exhibition "Passages" (2005). Photo: Nina Szielasko

"Passages - 100 pieces for the Museum of Medicine" is the first exhibition of the Museum of Medicine. It results of an important partnership between the Museum of Medicine and the Portuguese Institute of Museums, and it was inaugurated at the Portuguese National Museum of Ancient Art (NMAA) in Lisbon on 24 February 2005. The exhibition was open to the public until 30 April 2005 and had a significant turnout: more than 18 000 visitors.
 
In this exhibition
, 100 pieces of the Faculty of Medicine, University of Lisbon, from its institutes, laboratories and university clinics, established dialogue with important works of art of the NMAA's collections through a wise setup that allowed the intersection and interaction of techno-scientific objects (anatomical models, human preparations, engines and medical imaging, measurement instruments and observation) with works of art (paintings, sculptures and decorative art pieces).

 
>> Gabinete de Anatomia- Arpad, Vieira e os desenhos anatómicos do Museu de Medicina (2011), Fundação Arpad Szenes - Vieira da Silva, Lisboa. Curadoria: Manuel Valente Alves
Cartaz publicitário da exposição "Gabinete de Anatomia" (2011). Foto: Nina Szielasko  Advertising outdoor of the exhibition "Cabinet of Anatomy" (2011). Photo: Nina Szielasko


Vista da exposição "Gabinete de Anatomia" (2011). Foto: Nina Szielasko  View of the exhibition "Cabinet of Anatomy" (2011). Photo: Nina Szielasko


>> Gabinete de Anatomia– Arpad, Vieira e os desenhos anatómicos do Museu de Medicina (2012), Casa-Museu Abel Salazar, Universidade do Porto. Curadoria: Manuel Valente Alves

Cartaz publicitário da exposição "Gabinete de Anatomia" (2012). Foto: Nina Szielasko  Advertising outdoor of the exhibition "Cabinet of Anatomy" (2012). Photo: Nina Szielasko


>> Laboratório de Anatomia – Ver e pensar o corpo (2013), Reitoria da Universidade de Lisboa. Curadoria: Manuel Valente Alves e Hugo Ferrão

Cartaz publicitário da exposição "Laboratório de Anatomia" (2013). Foto: Nina Szielasko Advertising outdoor of the exhibition "Laboratory of Anatomy" (2013). Photo: Nina Szielasko
 

Vista da exposição "Laboratório de Anatomia" (2013). Foto: Nina Szielasko 
View of the exhibition "Laboratory of Anatomy" (2013). Photo: Nina Szielasko
 
 

EDIÇÕES PUBLICATIONS
 

>> Manuel Valente Alves; António Barbosa (editores). Circulação/ Circulation. Lisboa: Museu de Medicina da FMUL, 2004. [português/english]. 338 pp.


Textos: A. Bugalho de Almeida, A. Castanheira Dinis, A. Dinis da Gama, A. Gonçalves Ferreira, Alexandre Castro Caldas, António Barbosa, Armando Brito de Sá, Carlos Perdigão, Carlota Saldanha, F. Lacerda Nobre, Henrique Bicha Castelo, I.P. da Silva, J. Alexandre Ribeiro, J. Braz Nogueira, J. Fernandes e Fernandes, J. Martins e Silva, Jacinto Gonçalves, Jaime Celestino da Costa, João Lobo Antunes, João Sá, Jorge Dias de Deus, José-Augusto França, José Luís Porfírio, José M. Ferro, Luís Silva Carvalho, Luís Valadares Tavares, Luísa Gama Caldas, Manuel Duarte Oliveira, Manuel Graça Dias, Manuel João Pereira, Manuel Valente Alves, Maria José Forjaz de Lacerda, P. Brogueira, Pedro Lapa e Vítor Oliveira. 
Design gráfico: Nina Szielasko

O lançamento do livro Circulação foi integrado numa cerimónia oficial, o Encontro Anual da Faculdade de Medicina da Universidade de Lisboa, a 17 de Novembro de 2004 . Apresentação: Raquel Henriques da Silva, professora universitária, ex-Directora Geral dos Museus.


>> Passagens - Guia da exposição/ Passages - Exhibition guide. [português/ english]. Lisboa: Museu de Medicina da Faculdade de Medicina da Universidade de Lisboa/ Museu Nacional de Arte Antiga, 2005. 32 pp. 

Textos: Dalila Rodrigues, João Martins e Silva, Manuel Valente Alves, Anísio Franco, José Alberto Seabra Carvalho, Maria João Vilhena de Carvalho. Design gráfico: Bruno Franquet, Carlos Pontes, Nina Szielasko

 
>> Manuel Valente Alves (editor). Passagens. Lisboa: Museu de Medicina da FMUL/ Museu Nacional de Arte Antiga, 2005. 304 pp.


Além de imagens da exposição "Passagens - 100 peças para o Museu de Medicina" e de todas as obras expostas, este livro-catálogo contém informação científica detalhada sobre cada uma delas, imagens da montagem da exposição, uma análise do inquérito aos visitantes, as actas dos colóquios e outros textos de reflexão e crítica sobre a exposição e o projecto museológico que lhe subjaz.

Textos: Dalila Rodrigues, João Martins e Silva, Manuel Valente Alves, Anísio Franco, José Alberto Seabra Carvalho, Maria João Vilhena de Carvalho, João Miguel Fernandes Jorge, Teresa Paiva, José Miranda Justo, Maria Filomena Molder, J. F. David-Ferreira, José Bragança de Miranda, Maria de Belém Roseira, Manuel Villaverde Cabral, José Gil, António Fernando Cascais, João Lima Pinharanda, Nuno Crato, Cristina Branco, José Luís Porfírio, Marta de Menezes, Luís Graça e João Mourão. Design gráfico: Nina Szielasko


>> Passagens - Filme da exposição (2005). Coordenação: Manuel Valente Alves. Duração: 58 minutos. 

filme passagens_redux.mp4

 
O filme cruza imagens da exposição e da sua montagem com entrevistas aos curadores e responsáveis institucionais e a diversas personalidades ligadas ao ensino, à investigação, à cultura e à política: Manuel Bairrão Oleiro, Dalila Rodrigues, José Luís Porfírio, Anísio Franco, José Alberto Seabra de Carvalho, Maria João Vilhena de Carvalho, J. Martins e Silva, Teresa Paiva, David Ferreira, João Miguel Fernandes Jorge, José Miranda Justo, Maria Filomena Molder, José Gil, Manuel Villaverde Cabral e Maria de Belém Roseira. 

Foi estreado publicamente no âmbito das cerimónias de Abertura do Ano Académico 2005/2006 da Universidade de Lisboa, na Reitoria da Universidade de Lisboa, a 10 de Novembro de 2005, tendo ficado em exibição permanente no átrio da instituição até 22 de Dezembro de 2005.
 

>> Manuel Valente Alves. Gabinete de Anatomia - Arpad, Vieira e os desenhos anatómicos do Museu de Medicina. Catálogo da exposição. Lisboa: Museu de Medicina da FMUL/ Museu Arpad Szenes - Vieira da Silva, 2011. 144 pp. 
 
 
>> João Lobo Antunes; Manuel Valente Alves. Anatomia. Arte e Ciência. Lisboa: Althum.com/ Fundação Champalimaud/ Museu de Medicina da FMUL, 2013. 120 pp.

 
>> João Lobo Antunes; Manuel Valente Alves. Anatomy. Art & Science. Lisbon: Althum.com/ Champalimaud Foundation/ Museum of Medicine FMUL, 2013.120 pp.

>> Laboratório de Anatomia. Desdobrável